Formas de Ingresso
Nessa página você encontrará todas informações de como se tornar aluno da UniRedentor.

A Redentor está aceitando matrícula para quem prestou o Enem!  Basta comparecer na secretaria da unidade escolhida (Itaperuna, Campos ou Paraíba do Sul), comprovando ter mais de 450 pontos, ou levando CPF para ser analisado na hora, direto do sistema. Atenção, exceto Medicina.

Além dos outros documentos, trazer, também, os originais abaixo:

a) Um retrato 3x4 recente;

b) RG;

c) CPF;

d) Título de Eleitor para maiores de 18 (dezoito) anos;

e) Para candidatos do sexo masculino maiores de 18 anos, comprovação de estar em dia com as obrigações militares;

f) Certidão de nascimento ou casamento;

g) Comprovante de residência;

h) Certificado de Conclusão do Ensino Médio;

i) Histórico Escolar completo do Ensino Médio, ou de curso equivalente;

j) Certificado ou Diploma de conclusão do Ensino Médio, ou equivalente.


Documento a ser exibido em cópia legível:

a) Diário Oficial com a devida publicação do nome do candidato para os concluintes do Ensino Médio a partir de 1982.

É a forma de ingresso permitida aos portadores de diploma de Curso Superior devidamente reconhecido pelo MEC. O reingresso do aluno será possível mediante disponibilidade de vaga e ajustes curriculares forem necessárias, sendo dispensável a realização de vestibular, exceto para o curso de Medicina que o candidato deverá se inscrever em processo seletivo específico e obter aprovação dentro do quadro de vagas do referido edital.

 

Em qualquer caso, após análise e aprovação de ingresso no curso com vaga disponível e estudo de aproveitamento de disciplinas, faz-se a matrícula nos prazos e condições previstos na instituição.

Alunos regularmente matriculados (inscritos em disciplinas ou com matrícula trancada) em outras instituições de Ensino Superior no Brasil que tenham interesse em fazer transferência externa para a Redentor poderão requerer vaga em curso igual ou a compatível, de acordo com a disponibilidade de vagas, exceto para o curso de Medicina onde o candidato deverá se inscrever em processo seletivo específico e obter aprovação dentro do quadro de vagas do referido edital.

Em qualquer caso, após análise e aprovação de ingresso no curso com vaga disponível e estudo de aproveitamento de disciplinas, faz-se a matrícula nos prazos e condições previstos na instituição.

A transferência interna é uma forma de mobilidade acadêmica mediante a qual o aluno da graduação Redentor poderá transferir-se para outro curso de graduação da instituição.  O estudante só poderá solicitar transferência interna se houver vagas disponíveis no curso que pretende ingressar, exceto Medicina que a transferência interna é feita através de abertura de edital de Processo Seletivo.

Alunos que possuem FIES, somente podem transferir-se de curso num prazo de até 18 meses.

Alunos que possuem PROUNI só poderão requisitar a transferência interna se houver vaga disponível no curso pretendido e se sua nota for compatível com a dos candidatos classificados dentro do quadro de vagas.